Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: São Gabriel decide a vida contra o Guarany de Bagé neste sábado

volta as aulas perpétuo

More com conforto no Hotel Obino de São Gabriel. Saiba mais!

Volta às Aulas da Grazziotin, aproveite e parcele em até 10x no nosso cartão

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

19 de janeiro, Vestibular Unopar 2019. Inscreva-se!

Invista no primeiro shopping center de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Pague o IPTU em cota única e ganhe descontos! Até 11 de fevereiro

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Conheça a KJ Contabilidade Consultiva e saiba mais como fazer contabilidade com eficiência

São Gabriel decide a vida contra o Guarany de Bagé neste sábado

São Gabriel precisa vencer ou até mesmo empatar contra o Guarany para se manter na Divisão de Acesso em 2018 (foto arquivo C7)
Na tarde deste sábado (6), todos os caminhos levam ao Estádio Municipal para o jogo da vida e do futuro do Esporte Clube São Gabriel, valendo sua permanência na Divisão de Acesso em 2018. O tricolor enfrenta um tradicional rival, o Guarany de Bagé, a partir das 16 horas e o torcedor tem que fazer a sua parte.



A partida terá arbitragem de Jean Pierre Lima, auxiliado por Lúcio Flor e Leirison Martins. Para o São Gabriel, um empate ou vitória manterá o time na Divisão de Acesso, situação essa criada pela derrota para o Santa Cruz. Embora haja decisão das vagas para a próxima fase da Divisão de Acesso, esse jogo é considerado o principal para definir quem fica em 2018. Os ingressos estão à venda ao preço de 10 reais, até a hora do jogo e o apoio da torcida é fundamental.

Uma atração é a presença do ex-jogador Cláudio Ibraim Vaz Leal, o Branco, que veio prestar apoio ao Guarany e que já andou em alguns lugares em São Gabriel ontem à noite. Na Copa de 94, Branco foi o autor da "bomba" sensacional que classificou o Brasil para as semifinais, no difícil jogo contra a Holanda e vencido por 3 a 2. Foi um momento de desabafo para o lateral, que vivenciou um momento difícil na Copa de 90, com a eliminação para a Argentina e uma possível trapaça dos argentinos naquele jogo, que ofereceram água com tranquilizante para o jogador.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 06/05/2017 12h39 
Contato: (55) 3232-3766 / 996045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: