Inaugura no próximo dia 10 de dezembro, em São Gabriel, A Legítima Super 20

Vem para o Natal da Tottal Casa & Conforto

A partir de segunda-feira, 12 de novembro, LaborCito com filial!

Vem aí o Reveillon Gaudério no CTG Querência Xucra, com animação de Os Serranos, 29 de dezembro

Colégio Perpétuo Socorro - matrículas abertas a partir de 19 de novembro

Invista no primeiro shopping center de São Gabriel

Confira os novos cursos na Unopar São Gabriel

Colabore para uma cidade limpa - Jogue Limpo com a sua Cidade

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Oficina de Costura

Rádio RBC FM - A emissora da comunidade

Chega de pagar caro na sua conta de luz. Ecotec Energy

Vem aí a Festa de Natal do EC Real, em 19 de dezembro

Papo Reto no Caderno7

João Pedro Lemos
Colunista do blog

A violência sem solução preocupa
Em dois meses, dois mortos com arma de fogo em São Gabriel

Com tanta tecnologia a disposição à sociedade tem uma das preocupações mais presentes, a violência. Quando me refiro à tecnologia, estou falando diretamente de sistemas de monitoramento, porque é uma das formas de flagrar o crime. O problema todo, e que não é uma preocupação somente da população, mas dos próprios setores da segurança são as questões voltadas as penas e sua formatação. A maioria dos criminosos no Brasil está praticando seus atos ilícitos em cima da impunidade, a polícia prende, mas em seguida os criminosos estão soltos novamente praticando inúmeras vezes os mesmos crimes, até acabar em morte. Isso precisa de uma mudança urgente, do contrário entraremos em colapso e o crime vai vencer.



A sociedade vive assustada, apavorada, fechada em si mesma com medo, porque o criminoso já não teme a polícia quando a Lei é amena. Aí fica complicado, no que acreditar, que esperança ter?

Outro problema grave são os sistemas prisionais, mesmo com excelentes profissionais da segurança, preparados e treinados me pergunto, como de dentro da cadeia os presidiários comandam o crime lá fora?  Isso é o cáos, pois o crime acaba institucionalizado e ai volta um problema maior, o crime não tem fronteiras, nem o presídio serve mais como pena. Reflitam comigo, visita intima, salário para o apenado que sem trabalhar tem o que precisa e ainda uma escola de como praticar se aprimorar no crime. Isso precisa ser repensado urgente, nossos representantes e que fazem as leis com a palavra.

Vamos ver a questão de fato, em São Gabriel nos últimos dois meses considerando nosso contexto é preocupante, foram duas pessoas assassinadas com arma de fogo, um jovem e um homem adulto. Em termos de violência nem se fala todos os finais de semana são dezenas de jovens cortados com arma branca, ou com ferimentos graves fruto da violência sem fim. Os governos investem pouco em segurança e isso precisa ser revisto. São muitas coias para mudar, mas a sociedade precisa de uma luz, algo precisa começar a acontecer, do contrário ficaremos, nós que pagamos através de impostos, nosso políticos, gestores, homens que fazem as leis, que estão a nosso serviço, reféns do crime. Hora de repensar tudo isso, da corrupção, impunidade, falta de política de emprego, investimentos. O Brasil precisa mudar agora.

Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: