Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Câmara irá ouvir proprietários de postos sobre motivos de preços altos de combustíveis

05-12 Festa Final de Ano Lú Couros e Rafaela Weber - show com Sandro e Cícero

Ofertaço Grazziotin - de 16 a 20 de outubro

O Poder da Clareza - 17 de outubro em São Gabriel

Inauguração da filial Porto Lanches na quinta, 10 de outubro

12 de outubro - Dia de Nossa Senhora Aparecida - lembrança do Colégio Perpétuo Socorro

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Faça inglês e espanhol no Fisk - matrículas abertas

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Renegocie suas dívidas judiciais com a Prefeitura com o REFIS Judicial

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Máquina de cartões Sicredi - a máquina que vem com um parceiro de negócios

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Curso para o Concurso de Vila Nova do Sul é no Aurora Concursos

Câmara irá ouvir proprietários de postos sobre motivos de preços altos de combustíveis

Reunião realizada hoje pela manhã decidiu pela convocação dos proprietários de postos de combustíveis para esclarecimentos, o que ocorrerá na próxima quinta-feira, 11 de maio, às 10 horas na Presidência da Câmara
Na manhã desta quinta-feira (4), a Comissão Especial da Câmara de Vereadores de São Gabriel para investigação dos preços dos combustíveis se reuniu com segmentos da sociedade civil. Na ocasião, ficou decidido que os donos dos postos de combustível serão chamados para esclarecer o por quê o preço é alto no município, na próxima semana.



A Comissão, presidida pelo vereador Paulo Sérgio Barros (Nenê, PDT), relatou a atual situação dos combustíveis em São Gabriel, onde enquanto em outros municípios o preço médio é de 3,75 reais o litro da gasolina, até sofrendo reduções anteriores, no município o preço chega a 4,20 o litro.

Ideia era de fazer Audiência Pública, mas Evaristo (e) sugeriu que donos de postos sejam ouvidos antes disso, o que foi acatado pelos presentes

Reunião contou com a presença de vários segmentos da sociedade civil
"As alegações de que o preço é mais caro pelos fatores apresentados na reportagem não podem proceder; falaram do frete, mas como que Uruguaiana, que é mais distante, tem combustível mais barato que aqui? Pelos serviços, se é a oferta da lavagem, seria venda casada, o que é proibido de acordo com o Código do Consumidor. É preciso que esse abuso acabe", disse o vereador Rossano Farias (PSB).

Foi sugerida a realização de uma Audiência Pública na Câmara. O vereador Evaristo de Oliveira, do PPS, propôs que os donos dos postos sejam ouvidos antes de realizar esta Audiência para saber os motivos dos preços serem tão acima da média do Estado. Isso ocorrerá na próxima quinta-feira, 11 de maio, a partir das 10 horas da manhã, no Gabinete da Presidência.

A partir disso, será marcada uma data futura para a Audiência, onde deverá ser convidada a Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa. Será a oportunidade de se saber o porque os preços estão altos, visto que até agora, os proprietários de postos não se manifestaram publicamente. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 04/05/2017 13h26
Contato: (55) 3232-3766 / 996045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: