Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: São Gabriel exportará carne "in natura" para os Estados Unidos

volta as aulas perpétuo

More com conforto no Hotel Obino de São Gabriel. Saiba mais!

Volta às Aulas da Grazziotin, aproveite e parcele em até 10x no nosso cartão

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

19 de janeiro, Vestibular Unopar 2019. Inscreva-se!

Invista no primeiro shopping center de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Pague o IPTU em cota única e ganhe descontos! Até 11 de fevereiro

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Conheça a KJ Contabilidade Consultiva e saiba mais como fazer contabilidade com eficiência

São Gabriel exportará carne "in natura" para os Estados Unidos

Uma boa notícia para São Gabriel e a agropecuária gaúcha foi dada nesta semana. A unidade local do Frigorífico Marfrig tornou-se a primeira planta frigorífica do Rio Grande do Sul a conquistar habilitação para exportar carne “in natura” (fresca e congelada) para os Estados Unidos. A notícia foi confirmada nesta segunda-feira, dia 22 de janeiro, dois dias após a posse do novo presidente americano Donald J. Trump, quando a Secretaria de Comércio Exterior dos Estados Unidos remeteu a informação á Superintendência do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento no Rio Grande do Sul. A decisão foi comemorada por várias lideranças e segmentos da comunidade.



O Marfrig possui em São Gabriel a mais moderna planta frigorífica do Sul do Brasil, com procedimentos que atendem ás normas de um dos mercados mais exigentes do planeta.  A autorização é a conclusão de um processo de diálogo entre Brasil e EUA, iniciado em setembro do ano passado pelo presidente Michel Temer e o ministro da Agricultura Blairo Maggi. O Marfrig de São Gabriel, que já exporta para diversos países, através do mercado americano conquista também espaço para a carne da região em países do Atlântico Norte que usam as mesmas regras fitossanitárias, como Canadá, México e Japão. Essa notícia foi bem recebida por importantes segmentos da comunidade.

O prefeito Rossano Gonçalves, que na semana passada recebeu o gerente industrial do Marfrig, comemorou a decisão. “Quando a carne da região é exportada para mercados tão concorridos como o americano, isso significa mais renda para o produtor, mais empregos na indústria de carnes, mais empregos indiretos no campo, mais renda circulando na economia. Esta é uma boa notícia para toda a comunidade”, ressaltou. O Chefe do Executivo salienta que a prefeitura ajuda a viabilizar os negócios de exportação do frigorífico, fornecendo seus técnicos em convênio com o Ministério da Agricultura, para garantir o Selo de Inspeção Federal, indispensável para o fornecimento da produção ao mercado externo e interno. Em 2002, em seu segundo mandato como prefeito, Rossano Gonçalves liberou R$ 2,5 milhões (valores atualizados) para compra de máquinas para viabilizar a reativação da planta frigorífica da antiga Cooperativa Rural Gabrielense (fechada em 1985), através do frigorífico Cooriva, adquirido mais tarde pelo Marfrig.


Para o Presidente do Sindicato Rural de São Gabriel, Tarso Teixeira, esta conquista representa um avanço para o município, e para a produção rural como um todo. “Esta é uma notícia que ajuda a combater um certo pessimismo que existia na pecuária de corte, que muitos consideram estar sendo engolida pelo soja. A abertura deste importante mercado vai melhorar a remuneração do produtor, gerar renda e riqueza na região, impactando positivamente todos os setores da cadeia produtiva, além de gerar mais empregos diretos na indústria, e outros indiretos no campo”, acredita Tarso.

Reportagem: Marcelo Ribeiro com informações das assessorias 
Data: 25/01/2017 20h55 
Contato: (55) 3232-3766 / 996045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: