Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Mais um caso de abigeato causa prejuízos na Estância Amaricá

Prestigie o 45º Remate da Cabanha Santa Maria, em 7 de outubro, durante a 85ª Expofeira de São Gabriel

Dia 6 de outubro - a festa mais colorida do ano em rosário do Sul - Glow in the Dark 2

Festejos Farroupilhas de São Gabriel - confira a programação

Dia 19 de setembro, Fandango Tradicional do CTG Tarumã - animação com Garotos de Ouro

Faça o seu UnimedCARD, menos de 30 centavos por dia!

Setembro, mês da bíblia - Colégio Perpétuo Socorro

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Faça inglês e espanhol no Fisk - matrículas abertas

Tchê Burger - Vai um tchê aí? Seu novo delivery de lanches em São Gabriel

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

More com conforto no Hotel Obino de São Gabriel. Saiba mais!

Renegocie suas dívidas judiciais com a Prefeitura com o REFIS Judicial

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Máquina de cartões Sicredi - a máquina que vem com um parceiro de negócios

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Gás Querência - promoção apenas 75 reais o botijão, no dinheiro

Mais um caso de abigeato causa prejuízos na Estância Amaricá

Casos de abigeato tem causado prejuízos na Estância Amaricá, como este em 2015, e agora novamente nesta semana (foto arquivo C7)
Mais um caso de abigeato aconteceu na Estância Amaricá, situada na BR-290, em Azevedo Sodré. Na manhã de quarta-feira (18), seis vacas foram abatidas na propriedade por abigeatários. Duas delas, inclusive foram abatidas com tiros de arma de fogo na cabeça.



As vacas, que estavam prenhes, tinham sido desvermifugadas e receberam carrapaticida no dia anterior. Foram levados as partes dos quartos e paletas com o couro dos animais. A Estância, de propriedade da família Laureano, já tinha sofrido a ação criminosa dos abigeatários por várias vezes.

Qualquer informação sobre os crimes, deve ser comunicada à Polícia Civil ou Brigada Militar, pelos fones 3232-6165 ou 190. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 21/01/2017 16h43 
Contato: (55) 3232-3766 / 996045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: