Desfrute de um espetinho gostoso na Mas Bah Tchê Churrasquinho Gourmet em São Gabriel!

Vem conferir a Big Economia em São Gabriel!

Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Conforto que cabe no bolso - Íbis Budget Porto Alegre

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Inscrições abertas para o Fundo Social Sicredi, participe!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

Gráfica F1 - Comunicação Visual e Gráfica Offset com qualidade e bom preço!

18 maio 2016

Alunos da Unipampa São Gabriel protestam contra cortes na educação pública

Alunos da Unipampa protestam contra cortes de verbas para a educação pública superior no País (foto divulgação)
Os alunos da Universidade Federal do Pampa, Campus São Gabriel, estão apreensivos nos últimos tempos com os cortes orçamentários promovidos pelo Governo Federal e que se agravaram recentemente com a instabilidade política. De acordo com informações de alunos, mobilizações estão sendo realizadas para chamar a atenção para que se mantenha um ensino público de qualidade.



Segundo a presidente do Diretório Acadêmico de Engenharia Florestal, Thaís Malta, a mobilização tem por objetivo dizer não ao corte de 50% dos terceirizados e contra à precarização do Ensino Público brasileiro. O objetivo é realizar aulas públicas, ocupação do campus, distribuição de material explicativo à comunidade e chamar a mesma para que tenha consciência da gravidade da situação.

"Vamos entrar em contato com os representantes da população de todos os níveis para conscientização de que não vamos ficar parados e não vamos aceitar calados para essa falta de respeito com os estudantes que são  o futuro da nossa nação!  Esperamos com isso a ajuda de toda a população para juntos lutarmos por um país melhor", explica a estudante.

Pela parte da direção, o diretor do Campus local, Valdir Stefenon, disse à redação que apesar das dificuldades financeiras, que estão ocorrendo em todas as universidades federais, não existe possibilidade alguma de fechamento de Campus da Unipampa. "O corte de recursos em todas as universidades federais torna muito difícil o nosso trabalho, contudo, o boato de que a Universidade vai fechar (extinguir-se) é um grande mal-entendido. Falou-se em fechar as portas no sentido de não ter recursos para desenvolver atividades didáticas com a qualidade que queremos. Inclusive as dificuldade para pagar despesas básicas como água e luz estão em discussão. Mas isso não significa a extinção da Universidade como se alardeou por aí", informou. Vamos acompanhar a situação.


* De qualquer forma, é importante que a comunidade tome conhecimento das dificuldades do Ensino Superior Federal e possa batalhar pela Unipampa. As dificuldades cresceram após a eleição, quando o Governo Dilma cortou 50% das verbas para as universidades, e quem paga a conta são os trabalhadores e estudantes. Lamentável!

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 18/05/2016 16h28
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
2 comentários via Blogger
comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Eu gostaria de saber o que significa o "*" na matéria, se é comentário de alguém da instituição ou se é opinião do repórter? Na minha opinião deveria ser explícito na matéria, pois causa impacto na opinião pública.

    Anthony Barboza

    Doutorando PPGCB, Unipampa São Gabriel.

    ResponderExcluir
  2. Opinião eminentemente nossa, Anthony. A realidade tem que ser dita, queiram ou não. Grato.

    ResponderExcluir

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.