Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Ajude o Rio Grande do Sul neste momento difícil! O Sicredi está nessa!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

09 setembro 2014

Projeto do Estacionamento Rotativo é derrubado na Câmara

Vereador André (PT, na tribuna) defendeu projeto, propôs retirada, mas não adiantou: foi votado e derrubado na Câmara
O Estacionamento Rotativo não deverá ser implantado em São Gabriel neste momento. A Câmara de Vereadores derrubou por 9 votos a 3 o Projeto que implantava o sistema, de autoria do vereador André Lemes (PT). A opinião unânime é de que não é momento para impor mais uma taxa à comunidade gabrielense.


O autor do projeto tentou retirá-lo de pauta, mas era tarde - ele já estava na ordem do dia para votação. "Pedimos que os senhores possam votar conscientes. Não estamos querendo criar uma taxa a mais para o gabrielense, mas uma comodidade para estacionamento", frisou André. A oposição fortemente criticou a necessidade de votação, para criar uma nova taxa, acompanhado inclusive por vereadores da situação.

O Presidente da Câmara, Marcos Vieira (PSDB), criticou o Governo por não ter tido coerência de discutir mais abertamente a proposta. "Não há coerência quando a Prefeitura não fiscaliza os bancos que fazem o cliente esperar acima da lei, as lojas por carga e descarga, entre outras coisas, e ainda querem implantar mais uma tarifa ao contribuinte?", questionou. Cilon Lisoski (PR), foi enfático: "Não vou ser responsável pela criação de mais uma taxa, mais um imposto para a comunidade", afirmou.

O vereador André solicitou a retirada do projeto para um debate, mas de acordo com o Regimento Interno, após entrar em votação, o projeto não poderia ser mais retirado. Votaram contra os vereadores Antônio Devair, Sildo Cabreira, Vagner Aloy, Paulo Sérgio Barros (PDT), Valdomiro Lima (PSDB), Karen Lannes (SDD), Caio Rocha (PP), Claudiomiro Borges, Cilon Lisoski (PR). Votaram a favor os vereadores André Lemes, Sandra Xarão (PT), Néca Bragança (PSB). Se absteve o vereador Cacaio Lannes (DEM) e não compareceu o vereador Adão Santana (PTB).

Com isso, o intuito de implantar o Estacionamento Rotativo fica para outra oportunidade, esperamos que com mais debates sobre a questão. 

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.