Desfrute de um espetinho gostoso na Mas Bah Tchê Churrasquinho Gourmet em São Gabriel!

Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Conforto que cabe no bolso - Íbis Budget Porto Alegre

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Conheça todos os benefícios do Seguro de Vida Sicredi Essência!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

Gráfica F1 - Comunicação Visual e Gráfica Offset com qualidade e bom preço!

15 julho 2014

Polêmica: Associação recém-criada recebe apoio do Governo. Movimento de Resgate Cultural foi ignorado

Associação Pró-Cultura teve apoio anunciado pela Prefeitura. E o Movimento de Resgate Cultural, o que recebeu de apoio até agora? (montagem sobre fotos/Deivid Pereira e Marcelo Ribeiro)
Uma notícia causou estranheza em representantes da cultura nesta semana. Por meio de um release da Comunicação Social da Prefeitura, foi anunciada a criação da Associação Pró-Cultura São Gabriel com o objetivo de promover a cultura, a diversidade cultural e o entretenimento de um modo geral e que esta estaria recebendo apoio da Prefeitura. Até aí, tudo bem. Só que o Movimento de Resgate Cultural de São Gabriel, formado por Rodrigo Porciúncula, Emerson Fernandes, Amílcar Varella e o editor do site Caderno7, Marcelo Ribeiro, também existe com este objetivo, mas jamais foi convidado ou recebido pela Prefeitura, sendo ignorado. O questionamento é que o Movimento não foi convidado pelo Poder Executivo, muito menos pela Secretaria de Turismo.


A Associação é formada por Cristiano Weber (que é servidor da Secretaria de Administração) e Dimitri Teixeira, e anunciou que está começando nos trabalhos. O release informa que eles foram recebidos pela Secretária de Turismo, Denise Lisoski, e que o "o prefeito Roque Montagner tem dado apoio a quem trabalha pelo resgate da cultura e história de São Gabriel e, através da Secretaria de Turismo e Cultura, incentivará todas as atividades e ações que busquem valorizar as diversas manifestações", salientando que ela convidou a entidade para participar da 1ª Conferência Livre Municipal de Cultura, marcada para 30 de agosto, no CTG Caiboaté.

Só que desde abril deste ano, há o Movimento de Resgate Cultural de São Gabriel, formado por jovens e que buscaram ações pela cultura local. As instituições civis receberam os integrantes do movimento, mas por parte da Prefeitura ou da Secretaria de Turismo, nenhum contato foi feito. O Movimento realizou a reconstrução do galo de bronze que existia na Igreja do Galo (atual Museu Nossa Senhora do Rosário do Bom Fim), e teve o apoio da vice-presidente do Instituto Harmonia, Jenny Chagas. Este anúncio do apoio causou estranheza entre os integrantes, o que lamentam a falta de apoio. 

Segundo Rodrigo Porcíuncula, esta questão se deve ao fato do Movimento estar independente de bandeiras políticas. "Anunciaram como um movimento 'inovador', sendo que já tínhamos feito isso. Não queremos ser os 'pais da criança', mas para eles, nós não existimos (risos). Somos excluídos por não pedirmos favores e nem carregarmos uma bandeira", lamentou ele. Rodrigo conclui dizendo que o Movimento fará obras ainda maiores pela comunidade. "Não queremos ser donos da cultura, apenas pedimos respeito dos poderes públicos", finaliza. 

A questão é que se há apoio para a cultura, deve ser estendido para todos independente de bandeira política, para quem quer trabalhar pela cultura de São Gabriel. Não somos contra à entidade, mas que se dê tratamento igual. E se é dado apoio para um, por que não para todo mundo?

Veja as matérias do Movimento de Resgate Cultural:
* Surge o Movimento de Resgate Cultural de São Gabriel
* Movimento apresenta o galo da Igreja no Sobrado da Praça

2 comentários via Blogger
comentários via Facebook

2 comentários:

  1. Enquanto há duas Associações "Batendo boca" devido a apoios R$ recebidos por um ou por outro, existe uma Associação Cultural que trabalha há tempos com fundos próprios e sem precisar se indispor com ninguém... Mas cada um faz cultura como bem entende. Uns por sorrisos outRo$, bem, deixa pra lá

    ResponderExcluir
  2. A briga jamais foi por dinheiro, até por que as ações são realizadas com recursos próprios, mas por reconhecimento para todas as que estão na luta, Elton. É para que se abram as portas para todas.

    ResponderExcluir

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.