Desfrute de um espetinho gostoso na Mas Bah Tchê Churrasquinho Gourmet em São Gabriel!

Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Conforto que cabe no bolso - Íbis Budget Porto Alegre

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Conheça todos os benefícios do Seguro de Vida Sicredi Essência!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

Gráfica F1 - Comunicação Visual e Gráfica Offset com qualidade e bom preço!

09 julho 2014

Caio Rocha propõe criação do programa "Medicamento em Casa"

Caio apresentou projeto para que pessoas idosas e com mobilidade reduzida possam receber seus remédios em casa
O vereador Caio Rocha (PP), apresentou na sessão da Câmara na última segunda (7), projeto de lei que autoriza o Executivo a criar o programa "Medicamento em Casa". A iniciativa dispõe de distribuição de medicamentos de uso contínuo por via postal ou entrega pelos funcionários da Prefeitura, que possui recursos humanos e logística disponível. 


"Já havia apresentado Indicação para que esse serviço fosse regulamentado pelo prefeito, mas não foi dado o devido seguimento. Por essa razão, após várias consultas jurídicas, apresentei Projeto de Lei", justificou o vereador.

A proposição considera-se o atendimento às pessoas com mais de 60 anos de idade, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, portadores de doenças crônicas, e outras enfermidades de acordo com diagnóstico médico. "Assim que for sancionada a Lei, irei publicá-la para que todos tenham conhecimento", finaliza Caio.

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.