10-11 Penha de Aniversário CTG Caiboaté - Chiquito e Bordoneio

Banner Caderno7 - Prêmio Press 2017

Saúde Plena é saúde para todos

Clique aqui para se inscrever no Vestibular Urcamp 2018

Caso Elton Brum: júri de policial será realizado nesta quinta-feira

Um caso que estremeceu a questão agrária na época em São Gabriel irá a júri popular na próxima quinta-feira (21), em Porto Alegre. A 1ª Vara do Júri da Comarca de Porto Alegre realizará o julgamento do policial militar Alexandre Curto dos Santos, acusado pela morte do sem-terra Elton Brum da Silva (foto), em 2009, durante desapropriação da Fazenda Southall, em São Gabriel.



O policial vai ser julgado por homicídio qualificado, ou seja, por impossibilitar a defesa da vítima e o júri começa a partir das 9h30, no 5º andar do Foro Central e será presidido pelo Juiz Orlando Faccini Neto. Conforme o Tribunal de Justiça, o júri popular será composto por sete jurados escolhidos por sorteio. Eles acompanharão os depoimentos, a apresentação das provas e dos debates. Após, votarão se consideram o réu culpado ou inocente. Se condenado, a pena varia de 12 a 30 anos de prisão.


O julgamento ocorre na capital depois de larga tramitação processual e pela necessidade de desaforar o processo da Comarca de São Gabriel, para garantir "imparcialidade à decisão", segundo a defesa. O caso aconteceu em 21 de agosto de 2009, durante a desapropriação da Fazenda Southall, hoje Assentamento Conquista do Caiboaté, onde ele foi morto pelas costas com um tiro de espingarda calibre 12.

O réu alegou legítima defesa e que trocou acidentalmente sua arma com a de um colega, visto que haveria a recomendação de usar munição não-letal. Atos realizados pelo Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) ocorrerão nas proximidades do Fórum de Porto Alegre e em todo o Estado. O caso ainda gera contradições até hoje e protestos de movimentos sociais.

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações do site Sul21 
Data: 19/09/2017 16h33
Contato: (55) 3232-3766 / 996045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: