leilãosite

Eleições 2016: Confira os prefeitos eleitos em 2º turno no Rio Grande do Sul

Neste domingo (30), foi realizado o 2º turno das eleições para Prefeito em todo o País. No Rio Grande do Sul, quatro cidades escolheram seus prefeitos - Santa Maria, Canoas, Caxias do Sul e Porto Alegre - sendo que uma delas só se definiu no final, que foi a de Santa Maria, entre os deputados estaduais Jorge Pozzobom (PSDB) e Valdeci Oliveira (PT). As eleições seguiram o clima de insatisfação e necessidade de mudança, causado pelo descrédito na política e nos políticos.



Santa Maria, que realizava segundo turno pela primeira vez, só soube quem seria o novo prefeito na totalização final das urnas, com tensão até o final. Pozzobom (foto) sempre liderou a apuração, mas por uma diferença que diminuía à medida que a contagem avançava. Somente com 100% das urnas apuradas, é que se conheceu oficialmente o novo prefeito da Cidade Universitária. O tucano, que disputava a segunda eleição para a Prefeitura e terá como vice Sérgio Cechin (PP), venceu com 73.003 votos (50,08%) contra 72.777 votos (49,92%), uma diferença de apenas 226.

Em Porto Alegre, o novo prefeito é o deputado federal Nelson Marchezan Júnior (PSDB, foto), que obteve 402.165 votos (60,50%), vencendo ao candidato do atual governo, Sebastião Melo (PMDB), que obteve 262.601 (39,50%). Marchezan disputava a eleição para a Prefeitura de Porto Alegre pela segunda vez e era deputado federal em segundo mandato. Ele é filho do político gaúcho Nelson Marchezan, falecido em 2002.

Na cidade de Canoas, o deputado federal Luiz Carlos Busato (PTB, foto) conseguiu virar a eleição em cima de Beth Colombo (PRB), candidata da atual gestão. Beth, que terminou à frente no primeiro turno, sentiu o impacto de investigações da Polícia Federal sobre irregularidades de coordenadores de campanha. Busato conseguiu apoio de demais candidatos que participaram do primeiro turno e obteve 84.387 votos (51,25%) contra 80.263 (48,75%) de Beth.


Em Caxias do Sul, Daniel Guerra (foto) leva o PRB pela primeira vez à Prefeitura de uma das maiores cidades do Estado e foi eleito com folga, obtendo 62,79% (148.501 votos) contra o candidato governista Edson Néspolo (PDT), que teve 87.996 votos (37,21%). A eleição foi acirrada na cidade caxiense. Daniel Guerra, 44 anos, é formado em Direito e especialista em Gestão pela Fundação Getúlio Vargas. A vida política começou em 2005, quando até 2008 foi secretário municipal de Turismo de Caxias do Sul (RS). Guerra foi eleito vereador no município em 2008 e reeleito em 2012 pelo PSDB. Há dois anos, ingressou no PRB após ser expulso do partido anterior.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 30/10/2016 19h35
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: