10-11 Penha de Aniversário CTG Caiboaté - Chiquito e Bordoneio

Festa Night Out - 10 de novembro

Banner Caderno7 - Prêmio Press 2017

Saúde Plena é saúde para todos

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Clique aqui para se inscrever no Vestibular Urcamp 2018

Papo Reto no Caderno7

João Pedro Lemos
Colunista do blog

Criatividade na campanha eleitoral – Pois o tempo reduzido para campanha eleitoral com certeza vai exigir dos candidatos muita criatividade, principalmente em termos de expansão de proposta nesse tempo reduzido. Nesse caso as redes sociais serão muito utilizadas, mas têm dois problemas a Justiça eleitoral que estará de olho e o risco de tornar chatas as postagens de forma as pessoas acabarem mais irritadas do que interessadas. Diante desse quadro nada melhor do que desenvolver um projeto com a maior autenticidade possível e simplicidade, mas com criatividade, o segredo é não tornar as postagens chatas, repetitivas e irritantes e sim interessantes e que venham a chamar a atenção do eleitor, Por isso repito, criatividade é tudo, de olho ai.



O cuidado com a Lei – A mini reforma eleitoral mudou muita coisa em relação à campanha, por isso desconhecer essas mudanças atualmente é o maior risco nessa campanha, assim é fundamental uma assessoria jurídica atuante e forte e sempre de olho na orientação dos candidatos. Existem restrições, muitas restrições mesmo no período de campanha em si. Todo o cuidado é pouco e nisso os candidatos devem pensar, que sobre e não falte cuidado na hora de divulgar propostas, principalmente nos meios para fazer isso. Desde as regras para os programas eleitorais de rádio se modificaram e pequenos detalhes, antes liberados para divulgação agora mudaram radicalmente, então é ficar de olho e muita criatividade para que o tempo mais curto se torne maior em termos de aproveitamento, dentro da lei é claro.


Desafios da nova gestão – Ganhar a eleição é uma etapa e fazer uma boa gestão é o grande desafio. Arrocho, municípios com poucos recursos também vão exigir muita criatividade na hora de administrá-los. Resultado, corte de gastos farão parte certamente das exigências de todas as futuras gestões dos municípios do país, devido à crise econômica que se instalou no Brasil e que apesar de todo o empenho da atual gestão, será necessário ainda muito tempo para que essa realidade venha a mudar. Pode-se dizer que além da campanha os candidatos terão que ter muito boa vontade.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 12/08/2016 09h14
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: