Caderno7 na Expointer - banner redes sociais

03-09 Jantar-baile Os Monarcas - CTG Querência Xucra

RS é o estado com maior número de municípios turísticos. São Gabriel está na categoria B

São Gabriel foi classificada como cidade de categoria B no novo Mapa do Turismo Brasileiro (foto arquivo C7)
O Rio Grande do Sul passou a liderar o ranking dos estados com maior número de municípios considerados turísticos no Brasil. Apesar disso, houve redução de 467 para 294 cidades gaúchas com esta classificação. O novo Mapa do Turismo Brasileiro foi divulgado nesta terça-feira (12). São Gabriel está classificada na classe B, dentre as cinco classes apresentadas.


A classificação é dividida em cinco categorias conforme a relevância da cidade. São classificadas nas categorias mais elevadas os municípios com maior número de empregos formais na rede hoteleira, número de estabelecimentos hoteleiros, fluxo doméstico e fluxo internacional. Três cidades gaúchas estão na categoria A: Gramado, Porto Alegre e Torres. As duas maiores cidades da Serra, Caxias do Sul e Bento Gonçalves, estão na categoria B. Já Farroupilha está na categoria C. São Gabriel, Santana do Livramento e Santa Maria estão classificadas na categoria B na região.

O Mapa do Turismo Brasileiro é um instrumento de orientação para a atuação do Ministério do Turismo no desenvolvimento de políticas públicas, tendo como foco a gestão, estruturação e promoção do turismo, de forma regionalizada e descentralizada. Sua  construção é feita em conjunto com os órgãos oficiais de Turismo dos estados brasileiros. Para a atualização do mapa, foram realizadas oficinas e reuniões em todas as 27 UFs e a validação do mapa foi feita pelos estados e Distrito Federal em seus respectivos Fóruns ou Conselhos Estaduais do Turismo.

CATEGORIZAÇÃO DO NOVO MAPA DO TURISMO - De acordo com o novo mapa, 29% (630) dos municípios estão nas categorias A, B e C. Esses municípios concentram 93% do fluxo de turistas doméstico e 100% do fluxo internacional. Os demais 1.545 municípios, que representam 71% dos casos, figuram nas categorias D e E. Esses destinos não possuem fluxo turístico nacional e internacional expressivo, no entanto alguns possuem papel importante no fluxo turístico regional e  precisam de apoio para a geração e formalização de empregos e estabelecimentos de hospedagem.

Veja a classificação de alguns municípios da Metade Sul, de acordo com o Ministério do Turismo:

São Gabriel - B
Alegrete - C
Santana do Livramento - B
Rosário do Sul - C
Quaraí - D
Barra do Quaraí - D
Uruguaiana - C
Itaqui - D
Santa Maria - B
São Sepé - D
Dom Pedrito - D
Bagé - B
Caçapava do Sul - C
Lavras do Sul - D
Pelotas - B
Rio Grande - B
Canguçu - D
Caxias do Sul - A
Porto Alegre - A
Gramado - A
Canela - B
Tramandaí - A
Capão da Canoa - A

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 13/07/2016 09h40 
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: