10-11 Penha de Aniversário CTG Caiboaté - Chiquito e Bordoneio

Festa Night Out - 10 de novembro

Banner Caderno7 - Prêmio Press 2017

Saúde Plena é saúde para todos

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Clique aqui para se inscrever no Vestibular Urcamp 2018

No começo do ano letivo gabrielense, muitos protestos pelo pagamento do Piso

Parte da mobilização do magistério municipal, inconformados com a forma de pagamento parcelada do Piso do Magistério, enfrentando o sol forte e o calor desta quinta pelos seus direitos
A Prefeitura de São Gabriel realizou seu tradicional evento de abertura do ano letivo, mas que foi marcado pelos protestos do Magistério Municipal. Enquanto a solenidade acontecia no interior do Banana Café no começo da tarde desta quinta (25), mais de 100 professores protestaram contra o parcelamento do Piso Salarial do Magistério, que tem proposta de ser pago o índice de 2016 em 36x.



Do lado de dentro do local do evento, demais professores acompanhavam a solenidade de abertura que teve palestra do professor Max Haetinger
O protesto foi organizado pelo Sindicato dos Servidores Municipais de São Gabriel. Sob o sol forte de mais de 35ºC, cartazes e buzinaços foram a marca da mobilização. Enquanto os colegas chegavam para o evento, os professores expressaram seu descontentamento e tentavam sensibilizar os demais. Lá dentro, o ano letivo foi aberto com a palestra do professor Max Haetinger, com cerca de 200 pessoas presentes.


Agora, o Magistério iniciará o ano letivo à espera de audiência com a Promotoria de Santa Maria para mais uma resolução de litígio sobre o pagamento do Piso e que mais uma vez a Prefeitura deverá ter que pagar, marcada para o dia 9 de março. Vamos esperar os próximos capítulos de uma triste novela para o funcionalismo público municipal.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 25/02/2016 23h25
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: