10-11 Penha de Aniversário CTG Caiboaté - Chiquito e Bordoneio

Festa Night Out - 10 de novembro

Banner Caderno7 - Prêmio Press 2017

Saúde Plena é saúde para todos

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Clique aqui para se inscrever no Vestibular Urcamp 2018

Mais problemas: Agora são treze escolas interditadas em São Gabriel

Mais escolas foram interditadas pelos Bombeiros por não estarem com os PPCI e adequações em dia
Há instantes, o Corpo de Bombeiros divulgou que mais escolas foram interditadas por não ter Plano de Prevenção Contra Incêndio (PPCI), ou por não atenderem a normas de segurança, conforme exigidas pela lei. As escolas que entraram para a lista foram as Escolas Infantis Santa Clara, Tia Sueli e Trindade e do Estado, a Escola José Sampaio Marques Luz. Com isso, são treze escolas interditadas em São Gabriel.


Os Bombeiros informam que entre os problemas encontrados que geraram as interdições, estão falhas na rede elétrica, muros, grades e ausência de sinalização de emergência. A Escola Marques Luz responde às normas, mas parte do telhado está danificado desde o fim de 2014 e não foi consertada até agora pelo Governo Estadual.

Foi revelado também que essa determinação veio da Promotoria de Justiça Regional de Educação, sediada em Santa Maria, em 27 de janeiro deste ano. A Secretaria Municipal de Educação foi notificada nesta data a se adequar, mas a Prefeitura alegou que o prazo era curto. Quanto às escolas estaduais, esta adequação teria sido solicitada em 2014 e a 19ª Coordenadoria Estadual de Educação não teria providenciado.


A Prefeitura afirma que o ano letivo "não está comprometido" e que a "desinterdição" será solicitada nesta quinta, argumentando que a licitação para a contratação da empresa que fará e executará os projetos de PPCI está em andamento e será conhecida nesta quinta-feira, 25 de fevereiro. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 24/02/2016 17h26 
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: