12 de outubro, inaugura o novo Esquina+

10-11 Penha de Aniversário CTG Caiboaté - Chiquito e Bordoneio

Banner Caderno7 - Prêmio Press 2017

Saúde Plena site

festival de cerveja artesanal - site

Gabrielenses são eleitos os Destaques dos Festivais em 2015

Jean, Mauro e Rogério foram escolhidos os Destaques dos Festivais de 2015 no prêmio do radialista Jairo Reis (fotos arquivo C7)
Em levantamento divulgado no mês de dezembro pelo radialista Jairo Reis, da Rádio Bandeirantes AM de Porto Alegre, foram eleitos os vencedores no troféu "Destaques dos Festivais", premiação entregue anualmente pelo comunicador e o blog Ronda dos Festivais. Três gabrielenses foram os vencedores nas categorias que disputaram em 2015.


O cantor Jean Kirchoff conquistou dois troféus, nas modalidades de Intérprete Com Mais Primeiros Lugares e Melhor Intérprete Masculino. Na primeira categoria, o músico foi eleito por ter sido o maior vencedor em cinco festivais, como solista vocal: Alma Leve de Mar (25ª Tafona da Canção, Osório), O Grito do Mundo (6º Canto dos Cardeais, Canguçu), Fraco das Ideias (2ª Salina da Canção, Balneário Pinhal), Escarcéus (7º Gruta em Canto, Nova Esperança do Sul) e O Jardineiro da Tapera (5º Moinho da Canção, Panambi). 

Como Melhor Intérprete, Jean empatou com o cantor Cristiano Fantinel, mas venceu no critério de desempate com os primeiros lugares na categoria anterior. Ele venceu nos festivais Tafona da Canção, Canto dos Cardeais e Moinho da Canção. Outro gabrielense que figurou no prêmio foi Ita Cunha, que faturou 2 troféus e ficou em 3º lugar nesta categoria.

A categoria de Melhor Instrumentista teve o segundo gabrielense premiado com o título de campeão. O gaiteiro Mauro Silva faturou cinco títulos em 2015 e foi o premiado. Ele foi escolhido o Melhor Instrumentista dos festivais 4º Canto Campeiro (Pantano Grande), 4º Canto Circulista (São Gabriel), 7º Gruta em Canto (Nova Esperança do Sul), Acordes do Pampa 2015 (Rosário do Sul) e 30º Ponche Verde (Dom Pedrito).

O último gabrielense premiado no "Oscar dos festivais" foi o compositor Rogério Villagran, como Melhor Letrista. Esta escolha foi mais difícil porque cinco compositores empataram. No desempate, Villagran ganhou por ter conquistado dois troféus (3º Aparte da Canção de Cachoeira do Sul e a 22ª Estância da Canção Gaúcha de São Gabriel), ele conquistou em 2015 três primeiros lugares, um segundo lugar e dois terceiros lugares. 

Jairo Reis salienta que para a premiação, foram considerados os 39 festivais realizados e mais 4 de poesia, sendo de cunho nativista ou entendidos como tal. Parabéns aos nossos conterrâneos pelo destaque, mostrando que São Gabriel é prodigiosa em talentos da música nativista.


Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 08/01/2016 09h55 
Contato: (55) 3232-3766 / 96045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: